Blog do Marcelão

Blog para debate sobre excelência na gestão.

Alemanha: o “Fracasso” do Planejamento

Posted by Marcelão em junho 28, 2018


child-pretending-to-be-soccer-player-success-winner-concept-68678128

PessoALL,

depois do resultado do jogo da Alemanha contra a Coréia do Sul na Copa da Rússia, muitas pessoas começaram a questionar todos os elogios que foram feitas a seleção alemã quando da realização da copa do mundo de 2014 no Brasil, copa essa que a Alemanha venceu.

Na época da copa de 2014, veio a tona várias informações sobre como foi o planejamento da seleção alemã para a Copa como, por exemplo, a escolha pela Bahia como local-sede para inicio da preparação, a construção do centro de preparação, até mesmo a utilização de Big Data para levantamento e analise de dados sobre possíveis adversários.

Veio a copa da Rússia e a seleção alemã é eliminada logo na primeira fase e todos os elogios feitos ao planejamento feito em 2014 estão sendo questionados por uma  boa parte do público.

O que é preciso analisar é que, primeiro, planejamento e gestão não é garantia de sucesso. Existem muitos fatores que influenciam a obtenção dos resultados esperados. Aliás, um deles, e talvez o maior, é qualidade da sua equipe e dos talentos a sua disposição. No caso alemã, a equipe que chegou a Rússia não possuía os mesmos jogadores que jogaram a copa no Brasil. Além disso, mesmo os remanescentes não podem ser considerados mais os mesmos, pois estão 4 anos mais velhos o que, por um lado, traz mais experiência, mas por outro pode representar um desempenho físico(velocidade, preparo, …) pior do que o de 4 anos atrás.

Então, alguns podem questionar que se planejamento e gestão não garantem resultado, qual o valor desses conceitos? A resposta é que planejamento e gestão não são garantia de sucesso, mas sim que eles aumentam a chance de sucesso de qualquer projeto. É bom ressaltar que a própria seleção alemã correu riscos em 2014 no jogo contra a Argélia nas oitavas de final ao vencer pelo placar de 2 x 1, e também esteve perto de perder para a Argentina na final em um lance que o atacante Hinguaín perdeu grande chance de abrir o placar.

Em relação a falta de planejamento e gestão, o inverso também se aplica. Não aplicar esses conceitos não significa que haverá fracaso, vide o Flamengo campeão Brasileiro de 2009 que não possuía algo nem um pouco comparável com a atual estrutura de gestão implantada no Flamengo atualmente. Em relação ao atual momento do Flamengo, analisando o assunto planejamento e gestão, embora tenha venha apresentado resultados extraordinário, principalmente nas finanças, isso ainda não refletiu em resultados no campo, mas entendo que isso é uma questão de tempo, e quando esse tempo chegar, serão resultados muito mais sustentáveis e perenes do que o resultado alcançado em 2009.

Portanto, ao avaliar o valor da aplicação de conceitos e ferramentas importantes de planejamento e gestão, tenha em mente que eles não são garantia de sucesso, mas sim que eles aumentam a chance de sucesso. Além disso, considere que existem diversos fatores para que o resultado seja alcançado e que todo o projeto possui sempre uma particularidade diferente em relação a algum outro projeto que tenha sido conduzido anteriormente, mesmo ele sendo similar.

Keep The Faith!

Anúncios

Uma resposta to “Alemanha: o “Fracasso” do Planejamento”

  1. Mack DK said

    Marcelão,

    Acredito que deva-se levar em conta não apenas o planejamento da seleção Alemã, mas também das outras seleções. Foco em estratégias conta os “ex-atuais” campeões (sei que o termo é contraditório mas ainda são os atuais até 15 de julho) devem ter sido traçadas exaustivamente. O México explorou as laterais (me contaram, eu não vi). A Coréia do Sul fechou a defesa (e, somado a isso, a equipe alemã errou chutes. Não é a mesma de há 4 anos, como você mencionou).

    Sobre esta questão de “não ser a mesma equipe”, gostaria de mencionar uma época em que eu nem tinha sido planejado ainda: Em 1962 Pelé se machucou logo no início da Copa do Chile. Foi substituído por um tal de “Amarildo” (cara… deviam fazer um filme sobre o Amarildo). O resto da história você deve saber melhor do que eu. Na final o tal de Amarildo recebe uma bola de cobrança de lateral passa por três tchecos e marca o primeiro gol do título (isso eu vi no YouTube).

    Não entendo muito de futebol. Desisti disso depois da derrota de seleção brasileira em 1982. Depois de ver um time que tinha Zico, Sócrates, Falcão e outros tantos ser eliminado tendo a vantagem do empate (e isso eu vi na sala de casa, vestindo uma camisa amarela da seleção e balançando uma bandeira verde e amarela), quando se trata de futebol não consigo deixar de considerar o acaso. Você sabe: Bolas na trave, contusões de craques que derruba a moral da equipe, Toninho Cerezo fazendo uma #@$4%@ e jogando a bola nos pés do Paolo Rossi, essas coisas…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: