Blog do Marcelão

Blog para debate sobre excelência na gestão.

Manifesto Incompleto pela Criatividade

Posted by Marcelão em outubro 9, 2012


Pessoal,

a criatividade é a matéria-prima da inovação. Nesse sentido, criar um ambiente propício para o surgimento da criatividade é vital para qualquer empresa. Em 1998, o designer canadense Bruce Mau fez uma seleção de práticas e ações para motivar e liberar a criatividade. Seu objetivo inicial era visando os designers, mas conceitualmente esse manifesto aplica-se a qualquer profissão.

Bruce Mau acredita que o Design é uma nova maneira de aumentar a qualidade do ensino das crianças e assim, gerar inovadores profissionais no futuro. Ele entende que o poder do design não tem limites, e tem a capacidade de trazer mudanças positivas em uma escala global.

Mau acredita que, em tempos de abundância, que devemos perseguir a grande questão da vida: “Agora que podemos fazer qualquer coisa, o que faremos?”. Isso explica porque o Manifesto Incompleto ganhou esse nome justamente por ter um desenvolvimento contínuo.

Abaixo, segue uma seleção de algumas afirmativas contidas no manifesto que considerei as mais importantes:

  • Permita-se mudar com os acontecimentos: Você tem que estar disposto a crescer. Crescimento é diferente de algo que acontece com você. Você pode produzi-lo. Você vive isso. Para um crescimento significativo, é preciso estar aberto para experimentar eventos e a vontade de ser mudado por eles.
  • Esqueça o bom: Bom é uma quantidade conhecida. Bom é o que todos nós concordamos.
  • O crescimento não é necessariamente o bom: Crescimento é uma exploração constante.  Se você já se contentar com um bom, você nunca vai ter um crescimento real.
  • Não deixe de lado os erros acidentais: A resposta errada é a resposta certa em busca de uma questão diferente. Colecione respostas erradas como parte do processo. Faça perguntas diferentes.
  • Colabore: O espaço entre pessoas trabalhando juntas é cheio de conflitos, atritos, conflitos, alegria, prazer, e vasto potencial criativo.
  • Fique acordado até tarde: Coisas estranhas acontecem quando você vai longe demais, trabalhou muito duro e depois, se vê separado do resto do mundo.
  • Pense com a sua mente: Esqueça a tecnologia. Criatividade não é dependente desse recurso.
  • Processo é mais importante que resultado: Quando o resultado guia o processo, nós somente iremos para onde já estivemos. Se o processo guia o resultado, nós podemos não saber para onde estamos indo, mas saberemos que queremos estar lá.
  • Ame seus experimentos: Prazer é a engrenagem do crescimento. Explore a liberdade de moldar seu trabalho como lindos experimentos, iterações, tentativas, provas e erros. Olhe para a longa vista e permita a si mesmo a diversão da falha todos os dias.
  • Fique a deriva: Permita a si mesmo vagar sem rumo. Explore as adjacências. Não faça julgamentos. Adie críticas.
  • Continue se movendo: O mercado e suas operações tem a tendência de reforçar o sucesso. Resista. Permita que a falha e a migração sejam partes de sua prática.
  • Não entre em premiações: Simplesmente não faça isso. Não é bom para você.

Não é mais possível admitir que, em pleno século XXI, uma empresa que almeja o sucesso não tenha como lema a inovação. Mas é preciso combinar esse principio com o principio do processo criativo e, só assim, as organizações continuarão a existir nas próximas décadas e, junto com outras ações estruturantes, manterem-se competitivas. Lembrando que inovar é o passo final de um longo caminho. Nas empresas trata-se de um processo longo, dificil e doloroso de mudança da cultura organizacional e que exige disciplina e determinação por parte de todos os níveis das empresas.

Um abraço.

“I Believe in Change”

Twitter: @blogdomarcelao

Anúncios

2 Respostas to “Manifesto Incompleto pela Criatividade”

  1. Muito bom xará ! Fazer o diferente do óbvio, mais próximo da arte e mais longe da metodologia… Devemos nos permitir devanejar de vez em quando…
    Sigo seu blog e seu twitter e gosto muito do seu lema: “I believe in change”… Me lembra de alguem que um dia começou o discurso com a seguinte frase “I have a dream…” (Martin Luter King)

    Um abraço a todos…

    • Tony Arlen said

      Gosto de pensar “do contra”, para ativar minha criatividade. Obs.: Pensar “do contra” não significa que o do contra esteja certo, muito pelo contrário, ambos podem estar errados.

      Permita-se mudar com os acontecimentos: Você tem que estar disposto a crescer. Crescimento é diferente de algo que acontece com você. Você pode produzi-lo. Você vive isso. Para um crescimento significativo, é preciso estar aberto para experimentar eventos e a vontade de ser mudado por eles.

      Comentário: Fique atento aos acontecimentos, mas você não precisa seguir necessariamente a onda ou a moda. Nem toda mudança significa crescimento e nem todo crescimento é sadio e positivo. Você precisa mudar apenas se a mudança for te acrescentar benefícios. Acautele-se principalmente com a forma como as mudanças são feitas, não se deixe levar da forma como transportam gado. Atente para a qualidade e intenções da “empresa ou pessoa que está conduzindo a mudança”. Você pode e deve viajar e ficar à deriva, mas não precisa necessariamente não retornar.

      Esqueça o bom: Bom é uma quantidade conhecida. Bom é o que todos nós concordamos.
      Comentário: Perceba também o que é ruim. O ruim com o tempo e a convivência se transforma em bom.

      O crescimento não é necessariamente o bom: Crescimento é uma exploração constante.  Se você já se contentar com um bom, você nunca vai ter um crescimento real.
      Comentário: Se o crescimento não é necessariamente o bom, porque foi dito que “você tem que estar disposto a crescer”? A felicidade ao contrário do que parece não é diretamente proporcional ao crescimento. Existe muita gente que foi feliz a vida toda, inversamente proporcional ao tanto que cresceu. Agora, se você concluir que a sua felicidade está atrelada ao crescimento, então você precisa crescer. Mas lembre-se o foco não é o crescimento, o foco é a felicidade.

      Fique acordado até tarde: Coisas estranhas acontecem quando você vai longe demais, trabalhou muito duro e depois, se vê separado do resto do mundo.
      Comentário: Deite cedo que você irá acordar muito mais disposto a enfrentar o dia. É no dia que as coisas se realizam e aqueles que deitaram tarde vão estar dormindo, enquanto você faz acontecer.

      Processo é mais importante que resultado: Quando o resultado guia o processo, nós somente iremos para onde já estivemos. Se o processo guia o resultado, nós podemos não saber para onde estamos indo, mas saberemos que queremos estar lá.
      Comentário:Se o resultado que você busca é diferente, então você tem que usar um processo diferente. Como posso não saber para onde estou indo e ao mesmo tempo saber que queremos estar lá?

      Não entre em premiações: Simplesmente não faça isso. Não é bom para você.
      Comentário: Todas as equipes esportivas vão falir e seus participantes sucumbir.

      Tony Arlen.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: