Blog do Marcelão

Blog para debate sobre excelência na gestão.

Humildade: Diferença entre Arrogância e Auto-confiança

Posted by marcelao em setembro 16, 2010


Pessoal,

já escrevi em posts anteriores que existe uma linha tênue entre arrogância e auto-confiança e que a diferença entre os dois estava na humildade e no comportamento que as pessoas apresentam diante de uma mesma situação.

Há tempos atrás, eu escrevi um post exaltando a “rebeldia” saudável que o jogador do Santos Paulo Henrique Ganso teve ao desobedecer o técnico Dorival Júnior quando quis substituí-lo na final do campeonato paulista desse ano, pois, naquele momento, ele entendia que estava sendo muito importante para o time na retenção de bola.

Ontem tivemos uma situação semelhante de rebeldia, mas de forma negativa. A situação envolveu o jogador Neymar do Santos, da mesma geração de talentos que vem o Paulo Henrique Ganso, e que vem sendo alvo de diversas polêmicas nos últimos tempos. No último domingo, ele se desentendeu com o volante João Marcos, do Ceará. Nesta quarta-feira, durante jogo contra o Atlético-GO, na Vila Belmiro, a confusão foi com seus próprios companheiros. Rebelde, se recusou a cumprir ordens. Passou a rebolar em campo, negando-se a trocar passes com o restante da equipe. Ele discutiu com o zagueiro Edu Dracena e com o técnico Dorival Júnior. Chegou até a xingar o chefe.

Qual a diferença entre essas duas situações? Apenas uma palavra: HUMILDADE.

Um abraço.

“Keep the Faith”

twitter: @blogdomarcelao

4 Respostas to “Humildade: Diferença entre Arrogância e Auto-confiança”

  1. roberto ambrosio said

    OI Marcelao.
    Acho que vc tocou num ponto muito importante. Humildade no momento e na quantidade certa faz diferença.
    Falo apenas baseado em percepção mas me parece que a formação do Ganso e do Neymar é muito diferente. Eles têm a mesma idade mas o Ganso parece 10 anos mais velho, o Neymar é uma criança que fez 18 ou 19 mas tem cabeça de 11…maturidade não tem idade, todos sabemos disto.
    Espero que o ato do Neymar tenha consequências e que ele as encare, pelo bem do grupo e da sua formação como pessoa e atleta. Senão resta a ele ir jogar tenis ou outro esporte individual.
    ABs
    Roberto

  2. Leocadio said

    olá, p@z & b3m!

    parabéns por mais um excelente post!

    espero que a “organização” Santos F. C. da qual sou torcedor use este fato para demonstrar que atualmente a gestão É profissional de fato.

    no pacote oferecido ao jogador conste um trabalho forte de mentorado e gestão de carreira adequados.

    e que o Neymar Sênior também colabore para o surgimento de um novo Rei, não deixando prosperar esse comportamento de reizinho.

    é por aí… desculpe se o tom foi meio de desabafo.

    []s livres,

    @leocadio

  3. ursula said

    é tênue sim, mas seu exemplo ilustrou com perfeição a diferença! parabéns!

  4. Marcelo,
    Concordo com você, existe uma linha muito tênue entre auto-confiança e arrogância. Alguns dias atrás tive a oportunidade de assistir a apresentação de uma pessoa que tinha enorme conhecimento sobre o assunto em questão, porém ficou claro que esta pessoa tinha excesso de auto-confiança e deixou transparecer a arrogância…em minha opinião, aquilo que era para ser um show, ficou feio.
    Parabéns pelo artigo!
    Abs,
    Alexandre Silva

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: