Blog do Marcelão

Blog para debate sobre excelência na gestão.

Uma Síntese e a Minha Visão do Fórum HSM de Estratégia

Posted by marcelao em agosto 27, 2010


Pessoal,

Nos dias 24 e 25 de agosto, eu participei do evento do Fórum HSM de Estratégia que trouxe palestrantes internacionais e nacionais como Tom Peters, Fábio Barbosa, Renée Mauborgne, Martin Lindstron, Michael Porter e Silvio Meira. Como sempre acontece em todo evento da HSM, conteúdo e organização de primeira qualidade.

Esse post é uma tentativa de fazer um resumo e uma visão do que consegui captar nesses dois dias de contato com muitos insights e reflexões proporcionados pela exposição do conhecimento desses grandes pensadores da gestão. Além disso, quero combinar esse resumo e visão com as minhas idéias e visão de futuro na gestão.

A virada do século XX para o século XXI testemunhou uma transição contínua da gestão(Leia mais sobre isso aqui), enquanto controle, para a gestão enquanto envolvimento. Junto a tudo isso, houve uma transferência contínua de poder, da alta administração das empresas para as bordas da empresa, das empresas para o consumidor, que deveria estar sendo acompanhada por uma transição correspondente nos estilos gerenciais dentro das empresas, migrando do comando e controle em direção ao convencimento, da lideração para a conexão e do empowerment para a inspiração.(Leia mais sobre isso aqui)

Tom Peters disse em sua palestra que 98% das empresas são as pessoas(Leia mais sobre isso aqui) e que o papel do líder é ajudar as pessoas a terem sucesso. Liderar não é controlar as pessoas, mas sim deixa-las colaborar. Isso se torna imperativo ainda mais diante da afirmação do professor Silvio Meira de que empresas são abstrações. O que vale, de verdade, são as pessoas dentro delas. O que quer dizer que empresas são redes sociais.(leia mais sobre isso aqui)

O importante na colaboração não é “motivar” ou “atribuir poder(empoderar)” às pessoas nas empresas. Trata-se de ajudar as pessoas, e também as que estão fora da sua unidade, a trabalharem em equipe(Leia mais sobre isso aqui). A liderança funciona especialmente bem quando ajuda a trazer à tona a energia que existe naturalmente dentro das pessoas. Afinal de contas, o que as pessoas querem são autonomia e as condições necessárias para realizarem um sonho, o que nos leva a concluir que gestão e liderança é para pessoas que gostam do ritmo, da ação e dos desafios.

Líderes eficazes não agem como vítimas. Eles são agentes de mudança, não “alvos da mudança”. Eles seguem o fluxo, mas também sabem criar e até reconstruir o fluxo das informações, desempenhando a função de designers dentro do conceito de design apresentado pelo professor Silvio Meira.

Líderes eficazes, independente de sua posição e de suas limitações aparentes, agarram toda a liberdade que conseguem e a aproveitam o quanto podem. Eles sabem criar uma estratégia do oceano azul para suas carreiras, como disse Renée Mauborgne. Eles sabem que a gestão envolve a gestão da produtividade(processos, custo, logistica, …) e a gestão da criatividade(estratégia, criatividade, inovação, …). E que a diferenciação de um líder, o seu oceano azul, está na gestão da criatividade.(Leia mais sobre isso aqui)

Como disse o professor Silvio Meira, uma empresa é uma rede interativa, não uma hierarquia vertical. Líderes eficazes trabalham em todas as partes dessa rede, não ficam parados no alto. As estratégias emergem dessa rede à medida que pessoas engajadas resolvem problemas pequenos e que podem crescer para tornaram-se grandes iniciativas. Liderar significa trazer à tona a energia positiva que existe naturalmente dentro das pessoas, siginifica envolvimento baseado no juízo e enraizado no contexto.

Envolvimento e engajamento de seus funcionários é o que as empresas devem buscar se desejam permanecer no topo. Uma empresa se destaca dos concorrentes por sua capacidade de execução somente quando todos os membros da organização estão alinhados com a estratégia e sempre dispostos a apoiá-la em todas as circunstâncias. “A empresa precisa recorrer às atitudes e aos comportamentos das pessoas, como parte integrante dos valores da organização”, declarou Renée Mauborgne, explicando que quanto mais afastadas estiverem do topo e quanto menos houverem participado do desenvolvimento da estratégia, mais as pessoas sentirão a turbulência.

Todo essas variáveis devem estar dentro de um conceito de sustentabilidade. Conceito esse apresentado pelo presidente do Banco Santander Fábio Barbosa. Para Fábio Barbosa, sustentabilidade é criar vínculos com consumidores, funcionários e a sociedade como um todo. Ela não se resume simplesmente a uma agenda ambiental. Para promover o engajamento dos funcionários é preciso criar desafios. É preciso que eles conheçam a missão da empresa e acreditem nela. Para alcançar esse objetivo, exemplos emblemáticos e o envolvimento do presidente da empresa são fatores primordiais para realizar a mudança nas empresas.

Importante também é perceber que a estratégia de sustentabilidade não se resume somente aos aspectos internos das empresas. Afinal de contas, se 98% dos negócios das empresas são as pessoas, 98% das pessoas estão fora das empresas, como bem disse o professor Silvio Meira(Leia mais sobre isso aqui). Essa afirmação foi ratificada pelo professor Michael Porter que afirmou que os valores dos clientes mudaram significativamente nos últimos anos. Estão mais voltados a valores ligados a sustentabilidade e que estão mais conscientes que a estratégia de sustentabilidade é uma estratégia eficiente. Organizacões só existem por um único motivo que é servir. Isso vale para qualquer tipo de organizacão.

O mundo está cada vez mais interdependente, com uma sociedade cada vez mais conectada. O que a crise de crédito mostrou foi que mundo está interligado demais. Não dá mais para resolver os problemas atuais sozinho.

Michael Porter também afirmou que os problemas existentes nas empresas em relação a estratégia estão quase todos relacionados a falta de comunicação. Nesse aspecto, Tom Peters afirmou que ouvir deve ser o valor organizacional Nr. um dentro das empresas. Deve haver uma idéia de respeito, confiança, carinho e inspiração, para não falar em atenção. As quatro palavras mais importantes em uma organizacão são “What do you think?”(o que você acha?) . Trata-se de respeito e abertura para o diálogo.(Leia mais sobre isso aqui)

Mauborgne explicou que emocionalmente, as pessoas precisam de reconhecimento do seu valor, não como “mão-de-obra”, “pessoal” ou “recursos humanos”, mas como seres humanos a serem tratados com todo o respeito e dignidade e a serem valorizados por seus méritos individuais, independentemente do nível hierárquico. Intelectualmente, os indivíduos buscam reconhecimento de suas ideias, no sentido de que peçam suas opiniões e sugestões e reflitam sobre elas, demonstrando consideração por sua inteligência e pedindo que exponham seus pensamentos. Afinal de contas, A necessidade humana mais profunda é a necessidade de ser reconhecido.(Leia mais sobre isso aqui)

Diante disso, Ouvir é marca fundamental do respeito. Ouvir é o coracão e a alma do comprometimento(engagement). Ouvir é a base da colaboracão verdadeira.(leia mais sobre isso aqui)

Para finalizar, deixo aqui um pensamento de Mary Parker Follet que escreveu que “o teste de um bom capataz não é como ele é bom em mandar, mas sim em quão pouco ele precisa mandar”. A delegação em especial se transforma em um dilema menor quando um líder com a tendência natural a colaborar mantém sua unidade bem informada. E a conexão entre as pessoas se torna uma incerteza menor quando os líderes que colaboram se conectam melhor, o que deixa todos na organização melhor informados. Afinal de contas, gestão e liderança são processos sociais.

Um abraço.

“Keep the Faith”

Twitter: @blogdomarcelao

Uma resposta to “Uma Síntese e a Minha Visão do Fórum HSM de Estratégia”

  1. […] Uma Síntese do Fórum HSM de Estratégia – Blog do Marcelão Publicado em 30 30UTC agosto 30UTC 2010 por Mario H Trentim , PMP https://marcelao.wordpress.com/2010/08/27/uma-sintese-e-a-minha-visao-do-forum-hsm-de-estrategia/ […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: