Blog do Marcelão

Blog para debate sobre excelência na gestão.

Novos Rumos no Flamengo

Posted by marcelao em dezembro 10, 2009


Blog do Marcelão

↑ Grab this Headline Animator

patricia

Pessoal,

já escrevi várias vezes nesse espaço sobre a gestão do Flamengo, time do meu coração, o que para mim é o melhor dos mundos, pois junto duas paixões que é escrever sobre gestão e tratar de assuntos relativos ao meu time de coração. Vale lembrar que eu tento ser humilde, mas meu time não deixa (rsrsrs).

Em posts anteriores, fiz várias observações sobre a gestão do Flamengo e da necessidade de mudança(Clique aqui para ler) e de vencer certos paradigmas na gestão do clube(clique aqui para ler), mas é inegável que o Flamengo vem apresentando evoluções na sua gestão. Lembro-me de que quando o presidente atual (mandato encerrando esse final de ano), Marcio Braga, assumiu em 2004, nenhum jogador de médio porte ou de ponta no mercado queria jogar no Flamengo devido vários fatores como atrasos salariais e invasão dos torcedores ao treino com agressões físicas a jogadores. O Flamengo tinha um problema seríssimo de credibilidade e, principalmente, falta de união política dentro do clube e que se refletia no campo.

Aos poucos, o Flamengo foi se recuperando, mesmo passando por riscos de rebaixamento em 2004 e 2005, e em 2006 começou a sua recuperação cujo marco foi a conquista da Copa do Brasil de 2006, que lhe deu o direito de disputar a taça libertadores da América em 2007. Depois disso, o Flamengo teve uma arrancada fantástica no campeonato brasileiro de 2007 terminando em terceiro lugar, terminou em quinto lugar no campeonato Brasileiro de 2008 sendo que tinha chances de título até a antepenúltima rodada e liderou por várias rodadas, foi mais uma vez tri-campeão carioca (sete títulos em 11 disputados nos últimos anos) alcançando a hegemonia de títulos do campeonato (31 títulos contra 30 do Fluminense) e culminou com a conquista do hexa-campeonato brasileiro desse ano, título que não conquistava desde 1992.

Mas essa evolução não se resume apenas a questão dentro de campo, ela também foi apresentada fora das quatro linhas. Na área de marketing, tivemos campanhas como a das pulseiras, com toda renda destinada a construção do seu centro de treinamento, a campanha que envolveu o torcedor na escolha da camisa 12 destinada a torcida e a campanha sócio-torcedor. Outro grande mérito na área de marketing foi saber valorizar sua marca, quando do encerramento do contrato com a Petrobrás, ao não aceitar a primeira proposta de patrocínio que apareceu, ficando alguns meses sem patrocínio na camisa, o que foi uma decisão corajosa, uma vez que o clube convive com uma dívida muito grande. Agora fala-se em contratos de 30 milhões de reais para o ano que vem. Além disso, o contrato com a fornecedora de material esportivo, Olympikus, rendeu ao Flamengo mais de 8 milhões de reais em menos de seis meses de parceria, vendendo mais de 1 milhão e cem mil camisas que é mais que o dobro que o clube vendeu em todo o ano de 2008 com sua antiga parceira (Nike).

Outro aspecto importante parece ser o sinal de uma certa paz política no clube, uma vez que as eleições, realizadas no último dia 7 de dezembro, ocorreram sem maiores problemas e a vencedora, a ex-nadadora, Patrícia Amorim, já recebeu declarações de apoio do seu principal adversário no pleito, Delair Dumbrosck. Aliás, a própria eleição da Patrícia Amorim mostra mais uma vez os sinais de mudança, pois ela é a primeira mulher a assumir a presidência do Flamengo. Patrícia, profunda conhecedora do clube, já deu entrevistas comentando sobre um grupo financeiro que será parceiro do Flamengo. Além disso, contará com a colaboração do grupo do professor Vicente Falconi, sempre referenciado aqui nesse espaço(clique aqui para ler), que atuará inicialmente como colaborador, mas que com o tempo passarão a ser remunerados por produtividade, o que mostra a importância que ele dará a uma gestão profissional no clube.

Mas de todas as evoluções, que o Flamengo realizou nesses últimos anos, a mais importante de todas foi o resgate da sua relação com sua torcida, que é o seu maior patrimônio. O Flamengo tem a maior média de público dos últimos 10 campeonatos brasileiros. A torcida está sempre inovando na forma de incentivar o time com a criação de músicas, bandeiras dos seus ídolos e a criação do maior mosaico do mundo. A torcida utilizou até as redes sociais para incentivar seu time, como pode ser visto no vídeo abaixo, provando que a “maior torcida do mundo faz a diferença” :

As perguntas que ficam é : Qual empresa no mundo tem mais de 35 milhões de pessoas fiéis a sua marca? Qual o potencial dessa marca se bem administrada?

Um abraço.

“Keep the Faith”

Bookmark and Share

 Leia também os seguintes posts :

– ExpoManagement 2009 : O que eles disseram – > Clique aqui para ler;

– O ponto de partida e de chegada – > Clique aqui para ler;

– Vídeos : Visão da Nokia para os celulares – > Clique aqui para ler;

– Recuse certos “presentes” – > Clique aqui para ler;

– Vídeo : História do Google – > Clique aqui para ler;

– Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler;

– Seis tendências em mídias sociais – > Clique aqui para ler;

– Valorizando o que é nosso – > Clique aqui para ler;

– Erre para acertar – > Clique aqui para ler;

– Reconstruir e Recomeçar – > Clique aqui para ler;

– Confiar mais = Arriscar mais = Inovar mais – > Clique aqui para ler;

– O valor do respeito – > Clique aqui para ler;

– A diferença entre líderes e gerentes : Controlador X Inovador – >  Clique aqui para ler;

– Fórum Mundial de inovação – O que eles disseram -> Clique aqui para ler;

– Negociar e decidir – competências importantes para a vida – > Clique aqui para ler;

 – Mudar = Aprender = Ter Humildade – > Clique aqui para ler;

 – 10 Lições de Gandhi para mudar o mundo – > Clique aqui para ler;

 – Dicas de conteúdo aberto sobre empreendedorismo e inovação – > Clique aqui para ler;

 – Gestão 2.0 : A diferença entre líderes e gerentes by Gary Hamel – > Clique aqui para ler;

 – Gestão 2.o : Crie uma cultura de inovação -> Clique aqui para ler;

 – 10 razões para adotar redes sociais nas empresas – > clique aqui para ler;

 – Digital Age – Minhas impressões – > Clique aqui para ler;

 – O papel das empresas – Parte II – A lição Tony Stark – > Clique aqui para ler;

 – O papel das empresas – Parte I – > Clique aqui para ler;

 – Vida digital em um planeta inteligente – > Clique aqui para ler;

 – Paulo Freire e o líder como educador – > Clique aqui para ler;

 – Identifique um agente da inovação e da mudança – > Clique aqui para ler;

 – Estratégia : 10 tendências a monitorar – > Clique aqui para ler;

 – A dor e o valor de fazer escolhas difíceis – > Clique aqui para ler; 

– Gestão 2.0 : Por quê lideres criativos são tão raros? – > Clique aqui para ler;

 – A diferença entre líderes e gerentes – > Clique aqui para ler;

17 Respostas to “Novos Rumos no Flamengo”

  1. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  2. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  3. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  4. […] relação ao Flamengo, no último post que publiquei sobre ele(clique aqui para acessar), eu havia comentado sobre o mérito da área de marketing ao saber valorizar a marca Flamengo ao […]

  5. […] relação ao Flamengo, no último post que publiquei sobre ele(clique aqui para acessar), eu havia comentado sobre o mérito da área de marketing ao saber valorizar a marca Flamengo ao […]

  6. […] cognitiv… em Seres humanos não são 24…Ranking das marcas d… em Novos Rumos no FlamengoRanking das marcas d… em A diferença entre líderes […]

  7. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  8. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  9. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  10. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  11. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  12. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  13. […] Comentários O Brasil nas Redes S… on 10 princípios da Gestão 2…O Brasil nas Redes S… on Vídeos : Visão da Nokia para o…O Brasil nas Redes S… on O ponto de partida e de c…O Brasil nas Redes S… on ExpoManagement 2009 : O que el…O Brasil nas Redes S… on Novos Rumos no Flamengo […]

  14. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  15. […] – Novos rumos no Flamengo – > Clique aqui para ler; […]

  16. […] Taça Libertadores de 2007 e 2008, e culminou com o hexa-campeonato em 2009, como já escrevi aqui (acesse aqui para ler). E, ao que me parece, pelo menos de longe, o trabalho de profissionalização da gestão terá uma […]

  17. […] Taça Libertadores de 2007 e 2008, e culminou com o hexa-campeonato em 2009, como já escrevi aqui (acesse aqui para ler). E, ao que me parece, pelo menos de longe, o trabalho de profissionalização da gestão terá uma […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: