Blog do Marcelão

Blog para debate sobre excelência na gestão.

Heróis que não precisamos

Posted by marcelao em novembro 16, 2009


Blog do Marcelão

↑ Grab this Headline Animator

chefe_calvin

Pessoal,

um dia desses, eu estava conversando com alguns colegas sobre a importância de se planejar, identificar riscos e estabelecer planos de resposta para os riscos identificados. Todos concordaram sobre a importância de planejar, mas me relataram que, por mais que eles se preparem para as eventualidades que um projeto pode apresentar, esse é um trabalho que não é reconhecido. Pior, eles relataram que as pessoas que apagam incêndios é que são valorizadas, quem trabalha para evitar que os incêndios apareçam não é valorizado, porque esse é um trabalho que não dá visibilidade. Existem situações em que a pessoa que gerou o incêndio, mas o apagou, é mais valorizado que quem evita.

Essa é uma cultura ainda muito predominante nas empresas brasileiras, a cultura do herói. O herói que fica além da sua jornada, que trabalha nos finais de semana, que só trabalha em regime de urgência, quando deveria estar mais focado no que é importante. Já ouvi de um gerente que ele já foi parar no hospital por causa da empresa. Tudo isso dito com muito orgulho.

Esse é o tipo de atitude de quem não usa a criatividade e o planejamento para gerenciar sua empresa ou suas equipes. Afinal de contas, não é preciso muita criatividade mandar que as pessoas trabalhem além de suas jornadas como se fossem máquinas, que não precisam de descanso e nem de contato com suas famílias durante os finais de semana. Não percebem que, quando a maior parte do tempo e as pessoas com maior competência estão dedicadas a apagar incêndios ao invés de estarem alocadas a atividades de inovação e de aproveitamento das oportunidades de negócio, isso é um sinal de sua incompetência gerencial.

O problema é que a maioria das empresas ainda valoriza esse tipo de herói, um herói do tipo que não precisamos para nos salvar. Na verdade, se fizermos uma análise sistêmica, veremos que, na realidade, esse é herói é um vilão.

Um abraço.

“Keep the Faith”

Bookmark and Share

 Leia também os seguintes posts :

– Seis tendências em mídias sociais – > Clique aqui para ler;

– Valorizando o que é nosso – > Clique aqui para ler;

– Erre para acertar – > Clique aqui para ler;

– Reconstruir e Recomeçar – > Clique aqui para ler;

– Confiar mais = Arriscar mais = Inovar mais – > Clique aqui para ler;

– O valor do respeito – > Clique aqui para ler;

– A diferença entre líderes e gerentes : Controlador X Inovador – >  Clique aqui para ler;

– Fórum Mundial de inovação – O que eles disseram -> Clique aqui para ler;

– Negociar e decidir – competências importantes para a vida – > Clique aqui para ler;

 – Mudar = Aprender = Ter Humildade – > Clique aqui para ler;

 – 10 Lições de Gandhi para mudar o mundo – > Clique aqui para ler;

 – Dicas de conteúdo aberto sobre empreendedorismo e inovação – > Clique aqui para ler;

 – Gestão 2.0 : A diferença entre líderes e gerentes by Gary Hamel – > Clique aqui para ler;

 – Gestão 2.o : Crie uma cultura de inovação -> Clique aqui para ler;

 – 10 razões para adotar redes sociais nas empresas – > clique aqui para ler;

 – Digital Age – Minhas impressões – > Clique aqui para ler;

 – O papel das empresas – Parte II – A lição Tony Stark – > Clique aqui para ler;

 – O papel das empresas – Parte I – > Clique aqui para ler;

 – Vida digital em um planeta inteligente – > Clique aqui para ler;

 – Paulo Freire e o líder como educador – > Clique aqui para ler;

 – Identifique um agente da inovação e da mudança – > Clique aqui para ler;

 – Estratégia : 10 tendências a monitorar – > Clique aqui para ler;

 – A dor e o valor de fazer escolhas difíceis – > Clique aqui para ler; 

– Gestão 2.0 : Por quê lideres criativos são tão raros? – > Clique aqui para ler;

 – A diferença entre líderes e gerentes – > Clique aqui para ler;

Anúncios

13 Respostas to “Heróis que não precisamos”

  1. […] Fernando Henrique em Frases inspiradoras sobre cria…Heróis que não preci… em O papel das empresas – P…Heróis que não preci… em […]

  2. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  3. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  4. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  5. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  6. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  7. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  8. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  9. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  10. […] – Heróis que não precisamos – > Clique aqui para ler; […]

  11. […] estou aqui querendo que todos nós nos transformemos em heróis (Escrevi sobre isso aqui), que se caracterizam pela ausência de medo, mas sim admitirmos nossos medos e receios e termos […]

  12. […] estou aqui querendo que todos nós nos transformemos em heróis (Escrevi sobre isso aqui), que se caracterizam pela ausência de medo, mas sim admitirmos nossos medos e receios e termos […]

  13. […] estou aqui querendo que todos nós nos transformemos em heróis (Escrevi sobre isso aqui), que se caracterizam pela ausência de medo, mas sim admitirmos nossos medos e receios e termos […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: