Blog do Marcelão

Blog para debate sobre excelência na gestão.

Flamengo : Evoluir para Reconquistar

Posted by marcelao em janeiro 28, 2009


Blog do Marcelão

↑ Grab this Headline

Pessoal,

                 é claro que muitos devem ter percebido que meu time de coração é o Flamengo, por essa razão é que não tenho tanta humildade, pois meu time não deixa(rsrsrs). Como todo torcedor, eu acompanho as notícias do meu time e ontem li uma notícia no portal Globo.com com o seguinte título : “‘Se Marcelinho não quer ficar, a porta da rua é serventia da casa’, diz dirigente”. Essa foi a frase de um dirigente do Flamengo dita após os empresários do jogador solicitarem uma reunião motivada por atrasos salariais e descumprimento de acordos sobre pagamento de luvas.

                  Essa frase mostra como nossos clubes de futebol estão sendo mal geridos, porque um dirigente fazer uma ameaça dessas sem estar cumprindo com o seu dever para com o jogador é porque muita coisa está errada na gestão do clube.

                  No Brasil, temos muitas áreas que ainda não entenderam a importância de profissionalizar a gestão de suas organizações. O futebol é uma delas. Mas, percebemos que muitas dessas áreas estão procurando as melhores práticas em busca da excelência na gestão e já visualizam uma luz no fim do túnel. A pergunta é : Há uma luz no fim do túnel para a gestão dos clubes brasileiros de futebol?

                  Eu diria que há sinais dessa busca em alguns clubes brasileiros. Entre eles podemos citar :

                  – São Paulo : Ser três vezes campeão brasileiro em sequência não é fruto de amadorismo. Existe uma estrutura de gestão e planejamento por trás do sucesso do São Paulo, começando pelo fato de possuir um estádio próprio e saber explorá-lo muito bem. O seu estádio e mais o seu centro de treinamento são ações que mostram a preocupação da alta administração do clube com a perenidade do clube. Além disso, os jogos do São Paulo em seu estádio são verdadeiros eventos onde os torcedores chegam antes do horário dos jogos e visitam o museu e consomem produtos do clube;

                   – Internacional-RS – > O título de campeão mundial de 2005 foi fruto de um trabalho que envolveu planejamento estratégico e profissionalismo na administração do clube sob a condução do presidente Fernando Carvalho. Depois que Fernando Carvalho deixou a presidência, o clube não vem tendo os resultados esperados ao ponto de convidar o ex-presidente Fernando Carvalho para tornar-se o consultor do departamento de futebol do clube, o que pode nos levar a concluir que o sucesso do clube depende muito da pessoa de Fernando Carvalho e não houve uma formação de novos lideres;

                    Com relação ao Flamengo, é percebível que o clube vem evoluindo nos resultados apresentados pelo futebol dentro de campo, uma vez que, entre os anos de 2000 e 2006, o Flamengo namorou muito com o rebaixamento para a segunda divisão, mas nos últimos dois anos conseguiu uma classificação para a Copa Libertadores(em 2007) e disputou o título de campeão brasileiro até a antepenúltima rodada (2008), além de ter conquistado a Copa do Brasil de 2006 e ter sido seis vezes campeão carioca nos últimos dez anos.

                    Ocorre que essa evolução não ocorreu no seu modelo de gestão, pois o clube ainda é extremamente dependente das cotas de televisão, muitas vezes adiantadas devido a dificuldades financeiras, e do seu patrocínio junto a Petrobrás, que muitas vezes tem o seu pagamento impedido devido as dividas que o clube tem com orgãos públicos. Essa dependência dificulta a vida do clube quando precisa renogociar os valores do contrato porque ele sempre se encontra em situação de desvantagem. Essa situação de desvantagem na mesa de negociação, na minha opinião, é inadmissível para um clube que possui, segundo pesquisa do Ibope de 2004, 33 milhões de seguidores. São poucas as empresas no mundo que possuem 33 milhões de clientes com esse nível de fidelidade.

                    O que é mais paradoxal nessa situação é que o atual presidente do clube, Márcio Braga, assumiu como presidente do clube, pela primeira vez em 1977, como o expoente de um movimento interno chamado “Frente Ampla pelo Flamengo” formado por um grupo de rubro-negros idealistas com um programa de gestão realista e exequível, calcado nos ventos da democracia e do profissionalismo, palavras que na naquela época soavam como novidade. O resultado disso foi a geração de maior sucesso do clube capitaneado pelo seu ídolo maior : o grande ZICO.

                      Hoje, o Flamengo precisa novamente de um salto no seu modelo de gestão, semelhante em amplitude ao que ocorreu em 1977. Um salto no modelo de gestão que agilize seu processo decisório, implemente os grandes projetos necessários, como o estádio e o centro de treinamento, e recoloque o clube mais uma vez como referência do futebol brasileiro.

                      Algumas vozes já se levantaram clamando por essa mudança, como os grandes ídolos Júnior e Zico, indicando o ex-jogador Leonardo, atualmente dirigente do Milan da Itália, como a pessoa certa para essa mudança e que, de forma sensata e lúcida, pronunciou-se a respeito desse apoio afirmando que, apesar de estar nos seus planos ser presidente do clube, não é um nome só que irá mudar um modelo de gestão, mas sim a união das várias forças existentes dentro do clube e que se mostrem dispostas a querer a mudança.

                      Pelo visto, há uma pequena luz no final do túnel.

Um abraço.

Bookmark and Share

Leia também os seguintes posts :

– Palestra realizada na tecnologia do Banco do Brasil – > Clique aqui para ler;

– Dica de site : as oito máximas de liderança de Jack Welch – > Clique aqui para ler;

– Oportunidade para a qualidade de vida – > Clique aqui para ler;

– Livro : O sucesso está no equilíbrio – > Clique aqui para ler;

– A diferença entre lideres e gerentes – > Clique aqui para ler;

– “Quem não se comunica, se trumbica” – > Clique aqui para ler;

– Por quê é tão dificil mudar? – > Clique aqui para ler;

– Importância da franqueza nas organizações – > Clique aqui para ler;

– Questionar é preciso : liderando equipes talentosas – > Clique aqui para ler;

– Funcionários satisfeitos = maior valor das ações – > Clique aqui para ler;

– Miopia gerencial – > Clique aqui para ler;

– Livro : O cérebro do futuro : A revolução do lado direito do cérebro – > Clique aqui para ler;

– Nova economia exige um novo perfil de profissional – > Clique aqui para ler;

– Modelos de gestão – necessidade de evolução – > Clique aqui para ler;

– Competências dos lideres do futuro – Parte I – > Clique aqui para ler;

– Competências dos lideres do futuro – Parte II – > Clique aqui para ler;

– Gestão e inovação é com o lado direito do cérebro – > Clique aqui para ler

– Você é um profissional digital? – > Clique aqui para ler;

–  Busque a Unidade, mas sem Uniformidade – > Clique aqui para ler;

– Receita do sucesso é a mesma do insucesso – > Clique aqui para ler;

– Empreendedor corporativo – Vida difícil nas empresas brasileiras – > Clique aqui para ler;

– Livro : O futuro da administração – > Clique aqui para ler;

– Google – Modelo de Inovação na Gestão – > Clique aqui para ler;

Anúncios

6 Respostas to “Flamengo : Evoluir para Reconquistar”

  1. […] para inov…Frases Inspiradoras … em Frases e Pensamentos Marc…Gestão no futebol b… em Empreendedor corporativo : Vid…Gestão no futebol b… em […]

  2. […] – Flamengo : Evoluir para reconquistar – > Clique aqui para ler; […]

  3. […] – Flamengo : Evoluir para reconquistar – > Clique aqui para ler; […]

  4. […] da necessidade de mudança(Clique aqui para ler) e de vencer certos paradigmas na gestão do clube(clique aqui para ler), mas é inegável que o Flamengo vem apresentando evoluções na sua gestão. Lembro-me de que […]

  5. […] da necessidade de mudança(Clique aqui para ler) e de vencer certos paradigmas na gestão do clube(clique aqui para ler), mas é inegável que o Flamengo vem apresentando evoluções na sua gestão. Lembro-me de que […]

  6. […] Foi-se o imperador, retorna o REI. Quem sabe daqui a alguns anos, seja feito um novo dossiê sobre gestão no futebol e o Flamengo seja o exemplo, que, aliás, já foi para o futebol brasileiro quando um grupo político de rubro-negros idealistas, chamado “Frente Ampla pelo Flamengo, reuniu-se em 1977 e apresentou um programa de gestão realista e exequível, calcado nos ventos da democracia e do profissionalismo, palavras que, naquela época, soavam como novidade e apresentando conceitos revolucionários para a época como, por exemplo, Marketing esportivo. O resultado disso foi a geração de maior sucesso do clube capitaneado pelo seu ídolo maior : o grande ZICO.(leia mais sobre isso aqui) […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: